Dia da última taça em Laranjeiras

Conquista da 8a Taça Guanabara, em 1993

A Taça Guanabara de 1993, último título do Fluminense em seu charmoso estádio, foi conquistada de maneira invicta – oito vitórias e três empates. Os 8 mil espectadores presentes em Laranjeiras naquela tarde de sábado, capacidade máxima permitida a partir da reabertura em 1986, fizeram uma tremenda festa desde o início da partida, com muitas faixas e bandeiras. O gol do título, marcado aos 21’ do 1o tempo, foi do maior artilheiro em partidas disputadas no estádio, no período de 1986 a 2003: Ézio, que balançou suas redes por 44 vezes. No banco, o técnico era Edinho, um dos maiores ídolos da história do Fluminense. Com o apito final, o gramado de Laranjeiras foi tomado pela massa de torcedores antes espremida nas arquibancadas e sociais do histórico estádio. Desse momento em diante, não havia mais distinção entre jogadores e torcedores. A festa estava completa.